>> Garanta seu Planejamento de Estudos clicando aqui <<



Questões de Conhecimentos Básicos

  1. Ano: 2018 Prova: Perito – Polícia Federal Banca: CESPE Assunto: Conhecimentos básicos – banco de dados e teoria da informação.

Julgue os próximos itens, a respeito de computação na nuvem, sistemas de informações e teoria da informação.

39 A informação se caracteriza pela compreensão e internalização do conteúdo recebido, por meio do seu uso em nossas ações; o dado, por sua vez, é um elemento bruto dotado apenas de significado e relevância que visem fornecer uma solução para determinada situação de decisão.

Comentário: Essa questão tem um erro na definição de dado. O dado não possui significado e relevância. Logo, temos uma alternativa incorreta.

Gabarito: 39. E.

  1. Ano: 2018 Prova: Perito – Polícia Federal Banca: CESPE Assunto: Conhecimentos básicos – banco de dados e teoria da informação.

Acerca de banco de dados, julgue os seguintes itens.

40 Situação hipotética: Ao analisar um computador, Marcos encontrou inúmeros e-mails, vídeos e textos advindos, em sua maioria, de comentários em redes sociais. Descobriu também que havia relação entre vários vídeos e textos encontrados em um diretório específico. Assertiva: Nessa situação, tendo como referência somente essas informações, Marcos poderá inferir que se trata de um grande banco de dados relacional, visto que um diretório é equivalente a uma tabela e cada arquivo de texto é equivalente a uma tupla; além disso, como cada arquivo possui um código único, poderá deduzir que esse código é a chave primária que identifica o arquivo de forma unívoca.

41 A mineração de dados se caracteriza especialmente pela busca de informações em grandes volumes de dados, tanto estruturados quanto não estruturados, alicerçados no conceito dos 4V’s: volume de mineração, variedade de algoritmos, velocidade de aprendizado e veracidade dos padrões.

42 Descobrir conexões escondidas e prever tendências futuras é um dos objetivos da mineração de dados, que utiliza a estatística, a inteligência artificial e os algoritmos de aprendizagem de máquina.

Comentário: Vamos comentar cada uma das afirmações acima.

  1. O computador possui vários dados não estruturados e Marcos quer associar isso a um banco de dados relacional. Esse tipo de banco de dados armazena dados estruturados. Logos temos uma afirmação incorreta.
  2. A afirmação mistura o conceito de mineração de dados com o conceito de Big Data. Logo, temos uma alternativa incorreta.
  3. Questão descreve com perfeição a definição de mineração de dados, que tem por objetivos descobrir padrões úteis nos dados. Para tal, é possível utilizar ferramentas, tais como, estatísticas, inteligência artificial, aprendizagem de máquina, visualização e banco de dados. Logo, afirmação está correta.

Gabarito: 40. E. 41. E 42. C.

  1. Ano: 2018 Prova: Perito – Polícia Federal Banca: CESPE Assunto: Conhecimentos básicos – banco de dados e teoria da informação.

Com relação à programação Python e R, julgue os itens que se seguem.

43 Considere os comandos a seguir, na linguagem R, os quais serão executados no ambiente do R, e considere, ainda, que > seja um símbolo desse ambiente.

helloStr <- “Hello world!”

print(helloStr)

Nesse caso, após a execução dos comandos, será obtido o resultado a seguir.

[1] “Hello world!”

44 Considere os seguintes comandos na programação em Python.

a = ” Hello, World! ”

print(a.strip())

Esses comandos, quando executados, apresentarão o resultado a seguir.

a[0]=Hello,

a[1]=World!

Comentário: Vamos comentar cada uma das afirmações acima.

  1. Neste caso os comandos vão de fato fazer o que está descrito. Primeiramente, vamos atribuir a uma variável helloStr um conjunto de caracteres (“Hello world!”). Em seguida vamos imprimir no Console esse mesmo valor. Neste caso temos [1] “Hello world!”, exatamente como no enunciado. Logo, a alternativa está correta.
  2. A função strip não gera como resultado este apresentado na questão. O strip vai tirar os espaços em branco no início e final do texto. Logo, temos uma alternativa incorreta.

Gabarito: 43. C. 44. E.

Questões de Conhecimentos Específicos

  1. Ano: 2018 Prova: Perito – Polícia Federal – Área 03 Banca: CESPE Assunto: Conhecimentos Específicos.

As informações de um departamento e de seus colaboradores devem ser organizadas e armazenadas conforme a estrutura mostrada no diagrama precedente. Para isso, serão utilizados os comandos DDL a seguir.

create table organograma (

id integer primary key,

descricao varchar(50),

cargo varchar(50),

pai integer,

constraint fk_organograma foreign key (pai) references organograma (id)*

);

create table colaborador (

cpf bigint primary key,

nome varchar(50),

data_nascimento date );

create table colaborador_organograma (

cpf bigint,

cargo integer,

data_nomeacao date,

data_exoneracao date,

constraint pk_colaborador_organograma primary key (cpf, cargo),

constraint fk_colaborador_organograma_cpf foreign key (cpf) references colaborador (cpf)*,

constraint fk_colaborador_organograma_cargo foreign key (cargo) references organograma (id)

);

  • Comentário do professor: dependendo do SGBD é necessário colocar o nome do atributo que será referenciado na tabela.

Tendo como referência as informações apresentadas, julgue os próximos itens.

51 A tabela colaborador está na primeira forma normal.

52 A seguir, é apresentado o diagrama entidade-relacionamento correto para os comandos DDL em questão.

53 A seguir, são apresentadas as expressões SQL corretas para inserir na tabela organograma as informações constantes do diagrama apresentado.

insert into organograma (id, descricao, cargo, pai) values (1, ‘assistente’, ‘101.2’, 2);

insert into organograma (id, descricao, cargo, pai) values (2, ‘coordenação de imigração’, ‘101.4’, 1);

insert into organograma (id, descricao, cargo, pai) values (3, ‘coordenação de controle’, ‘101.4’, 1);

insert into organograma (id, descricao, cargo, pai) values (4, ‘coordenação de documentação’, ‘101.4’, 1);

insert into organograma (id, descricao, cargo, pai) values (5, ‘setor de registros’, ‘101.3’, 3);

insert into organograma (id, descricao, cargo) values (6, ‘diretor de execução’, ‘101.5’);

54 O comando SQL a seguir permite apagar o conteúdo da tabela colaborador_organograma.

delete from colaborador_organograma;

55 Depois de executados os comandos SQL a seguir, nenhum registro será inserido na tabela colaborador.

BEGIN TRANSACTION;

INSERT into colaborador values (‘11111111111’, ‘Clark Stark’, ’01-03-1963′);

INSERT into colaborador values (‘22222222222’, ‘Antonio Parker’, ’03-08-1962′);

ROLLBACK;

END TRANSACTION;

56 Em uma transação, durabilidade é a propriedade que garante que os dados envolvidos durem por tempo necessário e suficiente até que sejam excluídos.

Comentário: Vamos comentar as afirmações acima.

  1. A tabela COLABORADOR tem 3 atributos, todos eles atômicos, logo temos uma tabela normalizada na primeira forma normal. Logo, temos uma alternativa correta.
  2. O diagrama acima não pode ser considerado um diagrama entidade-relacionamento. Em primeiro lugar, a forma de representação dos atributos está incorreta. Outro ponto é que no modelo ER não estamos preocupados com os tipos de dados. Além disso os atributos do relacionamento não aparecem no diagrama. Logo, a alternativa está incorreta.
  3. A integridade referencial não admite que você insira dados na coluna pai que não exista na coluna id. Logo alternativa errada.
  4. Observe que neste caso você irá apagar os dados de uma tabela (COLABORADOR_ORGANOGRAMA) que faz referência a outra. Neste caso não temos problema. O problema existira se tentássemos apagar um registro de uma tabela que é referenciada por outras relações. Por exemplo, ao remover um ORGANOGRAMA que você precisa garantir que ele não é referenciado pela relação COLABORADOR_ORGANOGRAMA. Logo, a alterativa está correta.
  5. Primeiramente existem erros de sintaxe no comando. A data não usa a notação correta. Outro ponto é a ausência do COMMIT na transação. Logo, o comando não vai alterar em nada a relação original. Isso faz com que a alternativa esteja correta.
  6. Durabilidade está associada a ideia de que uma vez gravado em disco os dados permanecerão inalterados até que outra ação modifique ou apague os dados. A assertiva afirma que apenas a remoção da informação pode estar associada a mudança de estado dos dados, contudo, sabemos que uma alteração também pode ser mudar o estado, e, portanto, também está associada a durabilidade. Alternativa errada, portanto.

PS.: Tentei executar o SQL no site sqlfiddle.com. O código está abaixo se você quiser fazer alguns testes. Usei o MySQL.

create table organograma (

id integer primary key,

descricao varchar(50),

cargo varchar(50),

pai integer,

constraint fk_organograma foreign key (pai) references organograma (id) );

create table colaborador (

cpf bigint primary key,

nome varchar(50),

data_nascimento date );

create table colaborador_organograma (

cpf bigint,

cargo integer,

data_nomeacao date,

data_exoneracao date,

constraint pk_colaborador_organograma primary key (cpf, cargo),

constraint fk_colaborador_organograma_cpf foreign key (cpf) references colaborador (cpf),

constraint fk_colaborador_organograma_cargo foreign key (cargo) references organograma (id) );

insert into organograma (id, descricao, cargo, pai) values (1, ‘assistente’, ‘101.2’, null);

insert into organograma (id, descricao, cargo, pai) values (2, ‘coordenação de imigração’, ‘101.4’, 1);

insert into organograma (id, descricao, cargo, pai) values (3, ‘coordenação de controle’, ‘101.4’, 1);

insert into organograma (id, descricao, cargo, pai) values (4, ‘coordenação de documentação’, ‘101.4’, 1);

insert into organograma (id, descricao, cargo, pai) values (5, ‘setor de registros’, ‘101.3’, 3);

insert into organograma (id, descricao, cargo) values (6, ‘diretor de execução’, ‘101.5’);

insert into colaborador (cpf, nome, data_nascimento) values (1, ‘Thiago Cavalcanti’, ‘2018-09-17’);

insert into colaborador (cpf, nome, data_nascimento) values (2, ‘Flavia Cavalcanti’, ‘2018-09-17’);

insert into colaborador (cpf, nome, data_nascimento) values (3, ‘Vinicius Cavalcanti’, ‘2018-09-17’);

INSERT into colaborador values (‘11111111111’, ‘Clark Stark’, ‘1963-03-01’);

INSERT into colaborador values (‘22222222222’, ‘Antonio Parker’, ‘1962-08-03’);

Gabarito: 51. C. 52. E 53. E 54. C. 55. C 56. E

  1. Ano: 2018 Prova: Perito – Polícia Federal – Área 03 Banca: CESPE Assunto: Conhecimentos Específicos.

Acerca de banco de dados, julgue os itens seguintes.

57 Em um banco de dados relacional, os dados são armazenados em tabelas; e as tabelas, organizadas em colunas.

58 NoSQL são bancos de dados que não aceitam expressões SQL e devem ser armazenados na nuvem.

Comentário: Vamos comentar cada uma das alternativas acima.

  1. Essa é a questão mais polêmica da prova. Sabemos que uma tabela é uma estrutura bidimensional organizada em linhas e colunas. As linhas representam instâncias associadas a entidades, já as colunas apresentam os atributos associados a relação. No cruzamento das linhas com uma coluna temos um registro, que, se seguir o modelo relacional deve ser atômico. Sabemos que uma tabela é organizada colunas, contudo o texto prejudica o entendimento e a avaliação por parte do candidato. Embora a resposta tenha sido dada como correta, acho que cabe recurso pela anulação.
  2. Não existe obrigatoriedade dos dados em bases NoSQL – Not Only SQL serem armazenados na nuvem. Os bancos também aceitam consultas SQL Like. Logo, a alternativa está errada.

Gabarito: 57. C 58. E

  1. Ano: 2018 Prova: Perito – Polícia Federal – Área 03 Banca: CESPE Assunto: Conhecimentos Específicos.

No que se refere aos conceitos de estratégias de distribuição de banco de dados, julgue os itens que se seguem.

59 Na replicação síncrona, recomenda-se que os bancos de dados fiquem armazenados em sítios geograficamente distantes entre si, pois a execução da replicação ocorrerá com um atraso, que varia de poucos minutos a horas.

60 Disponibilidade de um sistema de banco de dados distribuído é, por definição, a característica de o sistema estar sempre disponível para ser utilizado imediatamente

Comentário: Vamos comentar cada uma das alternativas acima.

  1. Na replicação síncrona, quando mais distantes maior a latência ou atraso provocado pelo tráfego, logo quanto mais próximo as réplicas tiverem do ponto de vista físico melhor. Sendo assim, temos uma alternativa incorreta.
  2. A disponibilidade está associada a capacidade de um dado estar disponível sempre que alguém precisar acessá-lo, logo, temos uma afirmação correta.

Gabarito: 59. E 60. C

Qualquer dúvida estou às ordens,

Forte abraço e bons estudos,

Thiago Cavalcanti

Fonte: Estratégia Concursos

Chat online